Journal Information
Vol. 25. Issue S1.
12° Congresso Paulista de Infectologia
(January 2021)
Share
Share
Download PDF
More article options
Vol. 25. Issue S1.
12° Congresso Paulista de Infectologia
(January 2021)
EP‐058
Open Access
MIOCARDITE AGUDA DECORRENTE DE INFLAMAÇÃO MULTISSISTÊMICA EM CRIANÇAS COM COVID‐19: UMA COMPLICAÇÃO EMERGENTE
Visits
...
Júlia Goncalves Ferreira, Artur Bruno Silva Gomes, Alexia Morgana Santos Sales, Bruno Leonardo Morais Vilanova, Felipe Jatobá Leite Nonato de Sá, Juliana Matos Ferreira Bernardo, Daniele Gonçalves Bezerra
Centro Universitário Tiradentes (UNIT), Maceió, AL, Brasil
Article information
Full Text

Introdução: Em meio à pandemia de COVID‐19, foi verificada a ocorrência de miocardite aguda, condição grave caracterizada pela inflamação do músculo cardíaco, em crianças acometidas por SARS‐CoV‐2. Isso se deve ao quadro hiper‐inflamatório gerado pela resposta viral, que, por meio de reação imunológica exacerbada, libera tempestade de citocinas no sistema circulatório e causa inflamação multissistêmica. Apesar da baixa incidência de casos fatais em crianças, novos estudos apontam para o aumento crescente no número de casos pediátricos com complicações cardíacas graves e alto risco de morte em COVID‐19.

Objetivo: Buscar nas bases de dados informações sobre a incidência de miocardite aguda em crianças acometidas por COVID‐19

Metodologia: Foram realizadas buscas na plataforma de dados PubMed com os descritores “multisystemic inflammation AND covid‐19 AND paediatrics” e “Myocarditis AND covid‐19 AND children”, sem filtros de idioma e tempo. Com os primeiros descritores, obteve‐se o total de 4 artigos, dos quais 3 foram selecionados. Com os segundos, 13 artigos, com seleção de 2. Ao total, 5 artigos fundamentam este trabalho.

Resultados: Estudo realizado em quatro centros hospitalares na França relata o aumento recente do número crianças infectadas admitidas em Unidades de Terapia Intensiva Pediátrica (UTIP) com choque e miocardite aguda. Concomitantemente, houve elevação no número de pacientes pediátricos admitidos em UTIPs de oito hospitais na Inglaterra, tendo 68% (34/50) deles apresentado níveis elevados de troponina, um biomarcador de lesão cardíaca, e 29 de 58 evoluído para choque com necessidade de reanimação hídrica.

Discussão/Conclusão: Miocardite aguda em crianças infectadas por COVID‐19 vem sendo cada vez mais relatada no meio médico e alertada por entidades científicas, como a American Heart Association e a American Academy of Pediatrics. Sua causa não está completamente elucidada, porém é plausível que a lesão cardíaca seja causada indiretamente pela tempestade de citocinas pró‐inflamatórias liberadas na circulação, decorrente da inflamação multissistêmica nesses pacientes. Há poucos estudos com dados sobre o acometimento do COVID‐19 em crianças, porém, é notória a crescente taxa de mortalidade infantil por COVID‐19 com comprometimento cardíaco, principalmente miocardite aguda. Conscientizar os profissionais de saúde a procurar sinais de miocardite ao cuidar de infantes doentes ou com suspeita de COVID‐19 reduzirá a taxa de mortalidade e salvará vidas.

The Brazilian Journal of Infectious Diseases

Subscribe to our newsletter

Article options
Tools